Versão em Português

O Grupo Masipack, do Brasil, focado na fabricação de equipamentos para o setor farmacêutico, está atravessando uma crise financeira. O presidente da companhia atribui a responsabilidade fundamentalmente ao cenário de recessão no Brasil.

O Grupo Masipack, do Brasil, focado na fabricação de equipamentos para o setor farmacêutico, está atravessando uma crise financeira que está afetando os tempos de entrega dos seus produtos.

Segundo pôde saber a Pharmabiz, a companhia assumiu a responsabilidade e já emitiu uma carta de esclarecimento para explicitar o estado de situação. Ver abaixo.

A empresa atribui a responsabilidade ao cenário econômico de recessão que atravessa o Brasil e, paradoxalmente, indica como obstáculo outro fator que também é notícia na Argentina: a dificuldade de acesso às linhas de financiamento junto aos altos custos financeiros.

Na carta assinada pelo presidente da companhia, Maurício Sanches Moreno, também é mencionado que a Masipack iniciou um pedido de Recuperação Judicial com o objetivo de preservar suas operações e manter seu quadro de funcionários. Ao mesmo tempo, indica que foi realizado um ajuste da estrutura de capitais do grupo.

Segundo fontes consultadas por este meio, a operação da brasileira Fabrima – adquirida pela Masipack em 2011 – foi mais afetada com a abertura das importações de equipamentos novos e usados.

Dejar respuesta

Escriba su comentario
Ingrese su nombre